Notícias

CDL divulga perfil dos consumidores inadimplentes

Setembro ainda é um dos indicadores da economia hoje e por isso o grau de inadimplência, que em Cacoal chegou a ter um aumento de 30% em comparação ao mesmo período no ano anterior, foi analisado e estes dados servem de parâmetro para as projeções do final do ano.

A CDL – Câmara de Dirigentes Lojistas de Cacoal – através de pesquisa do SPC Brasil, divulga os dados obtidos detalhando o perfil deste consumidor em inadimplência no mercado. Estas pesquisas apontam que as mulheres representaram 54,72% dos casos de negativados em setembro. Os homens representam a massa de 45,28%. A explicação por esta constatação é que as mulheres preferem mais as compras a prazo. Cerca de 59% das compras efetuadas no mês de setembro foram realizadas por mulheres, de acordo com a entidade.

A faixa etária destes consumidores é outro ponto de análise interessante. Pessoas entre 30 e 39 anos lideram o ranking de devedores com 27,32%  das inclusões aos sistema de proteção de crédito, seguidos pelos que estão na faixa etária entre 40 e 49 anos que representam 19,23% e posteriormente pelos que tem entre 50 e 64 anos, com 15,75%.

O valor da dívida dos inadimplentes também é um fator que auxilia na análise do perfil dos consumidores. A maioria (50,7%) possuía dívidas acima de R$500,00. Dívidas pequenas, até R$100,00, totalizaram 15,5% dos inadimplentes.

No cenário comercial, as dívidas que ultrapassaram R$65 mil representam apenas 0,9%. Entretanto, dívidas que estão entre R$2,5 mil e R$7,5 são responsáveis por 10,48% da negativação dos clientes. A maior concentração de negativados está em dívidas entre R$1 mil e R$2,5 mil expressando 16,13% do total apurado nas pesquisas.

Mesmo com este cenário nacional, que reflete dentro do município, Cacoal ainda projeta uma considerável queda na inadimplência até o final de ano, que é quando o comércio parte para promoções e liquidação de dividas e notável aumento de renegociações com os devedores.