Notícias

Inadimplência em Cacoal sobe 26% mas não é preocupante, diz CDL

O comércio de Cacoal entra na reta final para as festividades de final de ano. Mas o mês de novembro fechou com aumento de 26,26% na inadimplência se comparado ao ano passado neste mesmo período.

A CDL – Câmara de Dirigentes Lojistas de Cacoal – afirma que não é sinal de pânico e nem um sinal de vendas abaixo das expectativas. De acordo com a entidade este aumento foi acompanhado pelo crescimento no volume de vendas no mês de novembro. Somente nas vendas a prazo houve um aumento de 10% em relação ao ano anterior e com a inserção da primeira parcela do 13º salário, ainda em novembro, as compras a vista também obtiveram aumento.

“Este movimento do mercado é natural. A inadimplência é inconstante e depende de vários fatores. Entretanto podemos ver que o comércio de Cacoal é forte e absolve bem estas nuances e se adapta de forma a contornar os problemas”, disse Nedeson Tacconi.

Para o final do ano se espera que as empresas, além de promoções, tenha uma política de crédito mais substancial e assim consiga reduzir a inadimplência local.