Notícias

Comércio de Cacoal pode ter baixo crescimento na Páscoa

A Páscoa é uma das grandes festividades do ano e isso fomenta o consumo de serviços e produtos voltados para esta data. Entretanto, neste ano, as previsões não são tão animadoras. De acordo com a CDL, Câmara dos Dirigentes Lojistas de Cacoal, existe uma projeção de crescimento de 3,5% para as vendas a prazo em comparação ao mesmo período ao ano passado.

“A CDL, através de uma projeção da Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e o Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil), trás esta possível margem de crescimento. Se a projeção se confirmar, este será o resultado mais fraco dos últimos quatro anos para este período do ano, mas ainda dá tempo de revertermos esta situação”, disse Thiago Silva, gerente da CDL de Cacoal.

Em 2013, o comércio teve um crescimento de 5,31%. No ano anterior, 2012, este percentual chegou a 4,84%. Em 2011 o crescimento foi muito mais satisfatório chegando a 7,26% e em 2010 o crescimento das vendas no período de páscoa foi de 4,50%.

A CDL utiliza os dados das pesquisas nacionais da entidade e, de acordo com a Câmara de Dirigentes Lojistas de Cacoal, o município sempre acompanhou estes números.

Estes dados são gerados a partir da análise das consultas para vendas na semana anterior a data da Páscoa. Os possíveis vilões para não se ter um crescimento mais significativo é a desaceleração das vendas no decorrer de 2013 e início de 2014 e a inflação, que afetou de forma direta o consumidor.

A páscoa é uma das datas comemorativas mais importantes para o varejo nacional em faturamento e em volume de vendas, juntamente com o Natal, o Dia das Mães e o Dia dos Namorados. A data movimenta principalmente o setor de alimentos, como chocolates, vinhos, aves e peixes.